Entre em contato conosco:
41 3015-0841 | 41 98514-7134

Cury Clínica Odontológica

Blog

Aparelho ortopédico dental infantil: qual o melhor para a criança colocar?

  • Odontopediatria
  • 27 de julho de 2018
  • Cury Clínica Odontológica

Pensando no correto desenvolvimento da estrutura dentária e facial das crianças, é essencial ter a avaliação do ortodentista ainda na infância para tratar problemas que poderiam trazer complicações no futuro. Nesse caso, quando necessário, é frequente o uso do aparelho ortopédico dental infantil, que oferece diversas vantagens para essa faixa etária.

Na consulta, o ortodentista pode diagnosticar disfunções relacionadas aos dentes de leite e à estrutura óssea e propor tratamentos que costumam ser mais simples nessa fase da vida.

Vantagens do tratamento ortodôntico em crianças

Embora o tratamento possa ser feito em pessoas de qualquer idade, há diversos problemas que podem ser corrigidos mais facilmente durante a infância, quando as bases ósseas ainda não estão consolidadas. Assim, a intervenção precoce contribui em vários aspectos da saúde orofacial, por exemplo:

  • Direcionamento dos dentes permanentes para as posições corretas;
  • Desenvolvimento favorável dos ossos maxilares;
  • Redução do risco de traumas na arcada;
  • Melhora das funções de mastigação, fala e respiração;
  • Aumento da autoestima oferecido por um sorriso mais harmonioso.

Além disso, os resultados de um tratamento precoce costumam ser superiores àqueles obtidos quando os ossos faciais já completaram seu crescimento. Em consequência, o ideal é que a primeira avaliação ortodôntica seja feita em torno dos 7 anos de idade, ainda no início da troca dos dentes de leite por dentes permanentes.

Para que serve o tratamento ortopédico dental na infância

Os tratamentos preventivo e ortopédico (este último também chamado de tratamento interceptativo) correspondem à primeira fase do tratamento ortodôntico, que é são seguida pelas etapas de correção e contenção.

No caso das crianças, o tratamento ortopédico tem como finalidade melhorar todo o complexo dentário e facial na fase da troca da dentição, corrigindo a má oclusão (mordida errada).

Quando se detecta alguma irregularidade, pode ser feita a correção do posicionamento dos dentes por meio da movimentação das arcadas com o uso de aparelhos, permitindo que o desenvolvimento aconteça de forma favorável.

Além disso, os tratamentos preventivo e ortopédico incluem mudanças de hábitos nocivos à saúde oral, como o posicionamento incorreto da língua e o costume de chupar o dedo.

Aparelho ortopédico dental infantil

Como as crianças ainda não têm toda a estrutura facial completamente desenvolvida, o tratamento ortopédico ou interceptativo costuma ser feito com o aparelho removível, também conhecido como móvel.

Esse aparelho é utilizado manter ou ampliar os espaços existentes entre os dentes de leite, de forma a permitir que os dentes permanentes possam ter um posicionamento mais adequado, prevenindo problemas futuros.

O aparelho removível é bastante utilizado em crianças e adolescentes na faixa de 6 a 14 anos para corrigir disfunções na mastigação e na fala, além de direcionar o desenvolvimento e crescimento dos ossos dos maxilares. Essa fase do tratamento costuma durar de 6 a 18 meses, dependendo das necessidades de cada paciente.

Em alguns casos, depois que todos os dentes permanentes tiverem nascido, pode ser necessário utilizar o aparelho fixo como complementação do tratamento ortopédico com o aparelho móvel.

Importante: vale lembrar que muitas vezes o aparelho móvel não é o mais indicado às crianças. Embora ele seja uma opção, muitas vezes não há a necessidade e a correção com aparelhos fixos é a mais adequada.

Como é o aparelho removível infantil

O aparelho móvel costuma ser feito a partir de uma placa de resina acrílica e fios de aço, os quais servem para encaixá-lo nos dentes e garantir sua posição correta durante o uso. O formato exato da placa é projetado para cada paciente, e seu tamanho pode variar.

Para as crianças, o aparelho ortopédico removível tem como vantagem o fato de ser mais confortável. Além disso, é possível escolher a cor da placa de resina, o que torna o aparelho mais atrativo para o paciente e aumenta a sua aceitação.

Como escolher o melhor aparelho para crianças

A escolha do melhor tipo de aparelho depende da avaliação do ortodentista feita durante a consulta presencial e dos achados em exames de imagem, como a radiografia, que permitem a visualização dos ossos e dentes que ainda não nasceram.

Assim, embora o aparelho ortopédico dental infantil do tipo removível seja muito utilizado, a escolha final varia conforme as necessidades apresentadas pela criança e a proposta de tratamento definida pelo ortodentista. Fale com a Cury Clínica Odontológica!

Faça seu Agendamento